Malásia oferece US$ 1 mil em campanha para evitar homossexualidade

O governo da Malásia criou um concurso de vídeos sobre ''práticas de vida saudável'' que oferece até US$ 1 mil para quem explicar como ''evitar'' a homossexualidade, de acordo com o site do Ministério da Saúde.


''Os vídeos têm que prevenir a homossexualidade, controlá-la e oferecer ajuda'', além de explicar os ''problemas e consequências'' do que o concurso chama de ''confusão de gêneros''.

Ativistas condenaram a iniciativa, em um país de maioria muçulmana, mas conhecido por sua moderação e tolerância.

A homossexualidade é oficialmente proibida na Malásia e pode ser punida com pena de prisão, multas e até castigos corporais.

Os vencedores do concurso receberão entre 1.000 e 4.000 ringgit (US$ 235 a 940). O prazo vai até o fim de agosto, segundo o site do ministério.


''Cada trabalho será julgado em função de sua originalidade, conteúdo, criatividade e qualidade de produção por um painel de juízes nomeados pelos organizadores'', segundo o ministério.

O vice-ministro da Saúde da Malásia, Lokman Hakim Sulaiman, afirmou em um comunicado que o concurso ''nunca tentou discriminar algum grupo específico'' e que se trata ''apenas de estimular o conhecimento e a criatividade dos adolescentes sobre temas sexuais, de reprodução e saúde''.

Nisha Ayub, a ativista LGBT mais conhecida da Malásia, condenou o concurso e afirmou que as autoridades da área da saúde iniciaram uma campanha de ''ódio e discriminação'' contra a comunidade.


Veja também: Conheça Jacob, menino transgênero de 7 anos


Conheça Jacob, menino transgênero de 7 anos

Publicado por Cultura Coletiva em Domingo, 21 de maio de 2017

Mais lidas da semana 🔥

Irmão de Suzane von Richthofen vivia longe dos holofotes e cogitou deixar o país

'Três Espiãs Demais' entra para o catálogo da Netflix

Freddie Mercury aparece com último namorado em fotos raras

O ''jogo da baleia azul'' e a tragédia de Maria de Fátima

12 séries que são verdadeiras joias escondidas na Netflix

Mulher mais obesa do mundo perde 250 kg após cirurgia

Noiva com alopecia emociona convidados com sua confiança

Mulher morre após carro explodir em posto de gasolina no Rio

Eliana faz cerclagem uterina: entenda o que é o procedimento

Escolas iniciam 'caça à baleia azul'; fique atento aos sinais