Ato em São Paulo reúne artistas e pede eleições diretas

Artistas, músicos e ativistas participaram neste domingo de um ato político que pedia a saída do presidente Michel Temer e a convocação de eleições diretas. O evento, que contou com apresentação de blocos de carnaval e artistas, começou por volta de meio dia no Largo da Batata, em São Paulo.


''SP pelas Diretas Já'' contou com um trio elétrico que recebeu apresentações de artistas como Emicida, Péricles, Mano Brown, Chico César, Criolo e Tulipa Ruiz, além de blocos de carnaval da capital como o Acadêmicos do Baixo Augusta. ''Queremos ter o direito de eleger nosso presidente da República'', afirmou o apresentador do evento Léo Madeira. Entre gritos de ''Diretas Já'' e faixas de ''Fora Temer'' a manifestação ocorreu em clima de festa e carnaval.




''O Congresso não tem moral e nem legitimidade para escolher o presidente'', afirmou o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MST) Guilherme Boulos durante discurso. Entre os participantes do protesto havia desde pessoas sem ligação com grupo e movimentos sociais até militantes de partidos políticos e sindicatos.



No domingo passado (28/05) o mesmo evento, organizado pelos movimentos Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo, reuniu nomes como Caetano Veloso e Milton Nascimento nas areias da praia de Copacabana no Rio de Janeiro.


Mais lidas da semana 🔥

Emmanuel Macron está de olho em Marina Silva pela 2ª vez

Confirmado: história de Amy Winehouse ganhará filme

Freddie Mercury aparece com último namorado em fotos raras

12 séries que são verdadeiras joias escondidas na Netflix

A surpreendente história de vida da atriz que viveu a Bruxa do 71

Bolsonaro diz dispensar votos de quem ''pratica violência'' contra opositores

Comunidade LGBT fará reunião para debater se apoia Marina ou Ciro

'Três Espiãs Demais' entra para o catálogo da Netflix

Criado por atrizes, conheça três coisas utilizadas até hoje