Os dez figurinos mais caros da história do cinema

A indústria cinematográfica conta com cenários incríveis e figurinos estrategicamente pensados pela produção para que a magia das telonas conquiste cada um dos espectadores. Depois de se tornarem marcantes, essas roupas passam a ser estimadas também por seu valor cultural. Vem ver os preços pelos quais os figurinos mais caros do cinema foram leiloados!


10. O Poderoso Chefão (1972) fez tanto sucesso que o casaco de Don Vito Andolini Corleone (Marlon Brando) foi leiloado por US$ 32,5 mil. Uma bela quantia, não?


9. Um dos looks usados por Scarlett O’Hara (Vivien Leigh) no clássico E o Vento Levou (1939) foi arrematado em 2015 por US$ 137 mil. O colecionador que disponibilizou o vestido havia comprado a peça por apenas US$ 20, dá para acreditar?


8. Já faz 20 anos que Rose DeWitt Bukater (Kate Winslet) apareceu com esse vestido lindo para jantar com Jack Dawson (Leonardo DiCaprio), em Titanic (1997). O modelo foi leiloado por nada menos do que US$ 270 mil.


7. A túnica usada por Ben-Hur (Charlton Heston), no filme homônimo de 1959, recebeu o lance final de US$ 393,6 mil.


6. Apesar de famosos por serem de rubi, os sapatinhos de Dorothy Gale (Judy Garland), em O Mágico de Oz (1939), eram feitos de simples lantejoulas vermelhas. Ainda assim, o par foi vendido por US$ 666 mil. Já pensou ter um desses no seu armário?



5. A imagem de Maria von Trapp (Julie Andrews), em A Noviça Rebelde (1965), é famosa na internet, mas você imagina por quanto foi leiloado esse look? A gente conta: US$ 676 mil!


4. O vestido preto – nada básico – da grife Givenchy, usado por Holly Golightly (Audrey Hepburn), em Bonequinha de Luxo (1961), foi arrematado em 2006 por surpreendentes US$ 800 mil. O valor estimado antes do leilão era sete vezes menor.


3. A histórica roupa do Leão Covarde (Bert Lahr), em O Mágico de Oz (1939), foi leiloada por US$ 3 milhões. O figurino conta com pelugem de animais de verdade!


2. Usados na cena mais memorável do filme, o vestido e o chapéu de Eliza Doolittle (Audrey Hepburn), em Minha Bela Dama (1964), foram vendidos por nada menos do que US$ 4,5 milhões. As peças faziam parte da coleção pessoal de Debbie Reynolds, que decidiu compartilhá-las com o mundo, em 2011, depois de uma negociação fracassada com um museu.


1. O vestido mais consagrado da história do cinema foi usado por Marilyn Monroe, em O Pecado Mora ao Lado (1955). O modelo foi arrematado pela quantia de US$ 8,9 milhões!



Mais lidas da semana 🔥

Homem que agrediu a própria mãe idosa é preso após repercussão de vídeos

Sequestrado em maternidade, Pedrinho é advogado de Aécio Neves

Morre Kid Vinil, aos 62 anos, precursor do punk rock

Escapei de um marido violento, mas vi minha filha morrer nas mãos do goleiro Bruno

O ''jogo da baleia azul'' e a tragédia de Maria de Fátima

Internada aos 5 meses de gravidez, Eliana tem avaliação diária

Roger Moore, ator de '007', morre aos 89 anos

'13 Reasons Why': 2ª temporada vai mostrar outros pontos de vista

Netflix vai tirar do catálogo séries famosas da TV; veja quais

5 coisas que as mães de autistas gostariam que você soubesse