Negação é quase regra entre os políticos que serão investigados pelo STF


Após as delações no âmbito da Operação Lava Jato, o Cultura Coletiva analisou as notas divulgadas por 72 dos 98 políticos citados; o restante não se pronunciou.

As palavras "não", "nunca" e "jamais", por exemplo, são citadas por mais de 70% dos investigados.

Entre as justificativas, são comuns expressões como "tenho minha consciência tranquila", "estou à disposição da Justiça" e "segui a legislação".

Os políticos ainda garantem que pensaram nos interesses coletivos e reclamam do fato de não terem acesso às denúncias contra eles.


Mais lidas da semana 🔥

Legado de Amy Winehouse influencia cantores e impressiona especialistas

Noiva com alopecia emociona convidados com sua confiança

Eliana faz cerclagem uterina: entenda o que é o procedimento

'Três Espiãs Demais' entra para o catálogo da Netflix

Mulher "viciada" em silicone e bronzeamento artificial fica irreconhecível

Mãe faz alerta após filha ter infecção causada por urina de cachorro na praia

Dormir pouco deixa as pessoas menos atraentes, revela estudo

Amy Winehouse será relembrada com duas novas exposições

Sisu abre inscrições para o 2º semestre

Criado por atrizes, conheça três coisas utilizadas até hoje