Artistas da nova cena musical revisitam repertório do Skank em coletânea

O que começou como uma despretensiosa banda mineira que misturava ritmos latinos e um bocado de referências que nunca tinham tocado nas rádios do Brasil acabou se tornando um dos grupos mais populares da música nacional. Embora mantenha o espírito jovem, o Skank já completou 25 anos de estrada – e agora músicos que cresceram ouvindo o som deles se reúnem para homenageá-los.


Foi anunciada no fim do mês passado a criação da coletânea ''Dois Lados'', produzida pelo site Scream&Yell – que já homenageou nomes como Milton Nascimento e Los Hermanos com projetos semelhantes.

O disco conta com a participação de 34 artistas, de 15 estados brasileiros. A lista ainda inclui novos queridinhos da música nacional, como Ana Vitória, As Bahias e outros.

''Acredito que o Brasil vive um dos seus melhores momentos em se tratando de música, e o intuito do disco também é estimular o interesse em conhecer essa nova turma e, ao mesmo tempo, perpetuar o legado do Skank a partir de releituras'', diz o produtor da coletânea, Pedro Ferreira.


A produção do disco começou em janeiro e atualmente as gravações estão recebendo os toques finais. O álbum será disponibilizado para download gratuito, a partir de junho desse ano.


Mais lidas da semana 🔥

Abacaxi deixado em exposição engana público e é confundido com obra de arte

Avó faz manta para neto mas detalhe 'indecente' chama atenção

Homem que agrediu a própria mãe idosa é preso após repercussão de vídeos

WhatsApp lança ótima atualização para quem ama enviar áudios

Prefeito de vilarejo italiano oferece € 2 mil para que pessoas se mudem para o local

Tom Cruise indomável: ator confirma sequência de 'Top Gun'

Guia prático do chá: o que você precisa saber sobre a bebida

Modelo é condenada por selfie que expõe idosa nua em vestiário

Pippa Middleton se casa e sobrinhos participam de cerimônia

Coreia do Norte diz estar pronta para ir à guerra se Trump quiser