Aos 117 anos, jamaicana Violet Brown se torna pessoa mais velha do mundo


A jamaicana Violet Brown, com 117 anos e 36 dias de vida, é atualmente a pessoa mais velha do mundo, após a morte da italiana Emma Morano, no sábado 15, segundo confirmou o Gerontology Research Group (GRG).

Nascida em 10 de março de 1900, Brown, também conhecida como "Aunt V" (Tia V), reside em Duanvale, na província jamaicana de Trelawny, a 170 quilômetros ao oeste da capital, Kingston.

O GRG, com sede na Califórnia, se dedica a pesquisar pessoas "supercentenárias", ou seja, que completaram 110 anos. Especula-se que haja entre 300 e 400 pessoas supercentenárias no mundo.


O primeiro-ministro da Jamaica, Andrew Holness, felicitou Brown pela marca.

"Violet teve uma extraordinária vida, e sempre será recordada por sua força para continuar adiante na vida", sustentou Holness.

Os pais de Brown, Elizabeth Riley e John Mosse, morreram aos 96 anos cada um.


Tanto Brown como seu marido trabalharam em plantações de cana vendendo seus cultivos à Fazenda de Açúcar Long Pond em Trelawny.

A italiana Emma Morano, que morreu na cidade italiana de Verbania (norte), viveu em três séculos, pois havia nascido em 29 de novembro de 1899 – ela também era a última pessoa viva dos anos 1.800.


Confira também: Mulher de 104 anos releva segredo de sua longevidade

Mais lidas da semana 🔥

Sisu abre inscrições para o 2º semestre

Conheça o criador do jogo Baleia Azul

'A Cabana' é acusado de heresia por parte dos evangélicos

Emmanuel Macron é eleito presidente da França

Ela se vestiu de homem para viajar livremente no século 19

Pai mata filha de 11 meses e comete suicídio ao vivo no Facebook

Homem que agrediu a própria mãe idosa é preso após repercussão de vídeos

12 séries que são verdadeiras joias escondidas na Netflix

Bronquiolite: 10 perguntas e respostas sobre a doença

Gripe: vacina, sintomas e tratamento